ou

Imagem: Getty Images

E lá vai embora 2011, outro ano em nossas vidas. Todo último dia do ano nos traz a reflexão sobre o que fizemos e deixamos de fazer. E é inevitável pensar nos sonhos e desejos que temos para o ano novo que começa, mas será que conseguiremos fazer diferente? Apesar de todos termos listinhas para 2012, como tivemos em todos os anos anteriores, por que conseguimos realizar algumas coisas e outras não? Tente ser realista e buscar metas possíveis, mas não deixe também de sonhar – afinal, sem sonhos, nossa vida não é nada. Que você consiga tê-los em mente durante todos os dias do ano que vem. Feliz 2012!

Thais Godinho
31/12/2011
Veja mais sobre:
3
Balanço da minha vida como mãe, profissional e escritora
Como me planejei para fazer uma transição de carreira
Livros sobre organização que eu uso e recomendo

Chegamos ao último post do especial! Foi muito bacana registrar aqui como foi a mudança e, agora, vou contar como as coisas aconteceram no último mês.

Encaixotando coisas

Foi tranquilo encaixotar tudo porque comecei a encaixotar o que não usamos no dia-a-dia bem antes. A transportadora levou as caixas em casa duas semanas antes da mudança e nós pudemos embalar o resto. Eu tinha programado a mudança para um dia depois do feriado e pude usar esse dia de folga para encaixotar o restante.

A mudança

Por uma programação nas entregas, eu tive que vir de ônibus bem cedo no dia da mudança, quase de madrugada, e deixar meu marido sozinho com a mudança e uma lista com o que faltava. No final das contas, correu tudo bem e ele não esqueceu nada XD. Eu aproveitei que cheguei mais cedo para limpar mais um pouco o apartamento e conversar com o síndico. Ele já estava de sobreaviso da mudança e tinha reservado uma vaga para o caminhão. Isso é importante.

Quando o caminhão chegou, minha decisão foi não começar a abrir nenhuma caixa enquanto eles não tivessem ido embora, por segurança mesmo. Eles subiram as caixas super rápido e logo entramos em ação. Eu vi no meu inventário de caixas quais precisavam ser abertas primeiro (para pegar toalhas e artigos básicos) e fomos arrumando aos poucos. O que deu mais trabalho foram os itens de cozinha, que lavei um a um porque alguns estavam guardados há bastante tempo. Eu não abria nenhuma caixa que eu não fosse guardar os itens, para não bagunçar.

Mais tarde, meu marido ainda tinha um show para fazer em São Paulo (sim, acreditem) e foi embora mais cedo. Terminei de guardar tudo o que fosse mais importante e deixei para o dia seguinte somente algumas caixas. Meu marido voltaria já com o nosso filho (que ficou na minha sogra no dia da mudança), então eu precisava deixar as coisas dele prontas.

No geral, desencaixotar e guardar foi muito tranquilo. O que me deu dor de cabeça mesmo foi o processo de entregas de compras que fizemos.

Pedidos, entregas e instalações

Outro dia me perguntaram nos comentários por que nós estamos comprando tudo de novo, se já não tínhamos essas coisas em São Paulo. Sim, e ainda temos, mas deixamos lá. Precisamos deixar muita coisa em São Paulo porque iremos para lá semanalmente (quando não os dois, ou eu ou meu marido). Meu marido faz shows em São Paulo, eu tenho minha pós-graduação e queremos levar sempre o filhote para ver os avós, então foi necessário manter essa estrutura. Por esse motivo, tivemos que comprar muitas coisas novas, economizando o máximo possível.

Por fim, optamos por comprar muitas coisas nas lojas físicas mesmo para agendar a entrega e garantir que nada se atrasaria (afinal, fim de ano, compras pela internet… já sabem). Agendamos cama + colchão, geladeira, máquina de lavar, fogão e uma estante da cozinha. Outras compras (mesa, cadeiras, armários da área de serviço, estante para os livros etc) agendamos para mais tarde, pois não eram de primeira necessidade. O que acontece é que a geladeira, o fogão e a estante chegaram no dia. O resto não. E aí começou toda a dor de cabeça que nos assola até hoje. Para não ser injusta, vou comentar aqui de cada loja e de cada atendimento para servir como referência.

Ponto Frio – Mesma logística de entrega das Casas Bahia, entregou a geladeira e o fogão direitinho. A máquina de lavar, porém, estava “fora de estoque” (isso não impediu a loja de nos vendê-la…) e chegaria somente na segunda-feira (era um final de semana). Não chegou. Depois de muitas ligações, ela chegou no sábado. Passamos uma semana sem máquina de lavar, mas não foi terrível quanto eu pensava. Apenas lavamos um pouquinho por dia e foi tranquilo. O que realmente deu dor de cabeça foi a geladeira, que veio com defeito de fabricação (não refrigera o suficiente). Ainda estamos esperando a assistência técnica vir resolver o problema e, por isso, tendo que ir diariamente ao mercado fazer a compra do dia, pois tudo estraga.

Magazine Luiza – Compramos nosso sofá lá e chegou até antes do prazo previsto. Não tenho reclamações a fazer.

Extra Online – Compramos um montão de coisas lá e chegaram direitinho, no prazo estabelecido. Para mim, foi uma agradável surpresa e certamente terei como loja confiável para futuras compras. Afinal, compramos bem em época de Natal e sabemos como são as coisas.

Tok&Stok – Dos melhores atendimentos. Compramos a estante na loja, agendamos a entrega, eles ligaram um dia antes para confirmar, os montadores foram rápidos (além de chegarem no horário exato combinado) e ainda me ligaram no mesmo dia para confirmar a entrega. Sempre que eu puder ($$$), comprarei lá por ser confiável.

Ortobom – Comprei a cama box e o colchão lá por indicação de uma amiga, que descreveu o serviço como excelente. Eles entregaram sem frete para a minha cidade (comprei em uma loja em São Paulo), mas não chegou no dia agendado. Isso me deixou extremamente decepcionada, pois precisei passar a noite pós-mudança, cansadérrima, dormindo no chão. =( Eu liguei no dia para a loja e o vendedor que me atendeu foi super solícito, ligou na transportadora e me deu um número de telefone direto para atendimento. O que eles me disseram foi que os pedidos estavam atrasados em um dia e que só chegaria na segunda-feira. Expliquei que eu tinha me mudado, estava sem cama etc, e eles agendaram a entrega para o dia seguinte (sábado). Chegou às 8h da manhã. Apesar de ter tido essa dor de cabeça, eles resolveram rapidamente o problema.

Evolukit – Atendimento muito bom também. O pedido chegou no dia certinho, os montadores foram rápidos e os produtos vieram sem problemas. Não tenho o que reclamar.

Meu Móvel de Madeira – Sempre namorei essa loja pela internet, mas nunca tinha comprado. Li as recomendações no site e elas me deram confiança, pois eram todas boas. Comprei a nossa mesa lá e o atendimento foi excelente – entregaram antes do previsto, confirmaram, enviaram e-mail de feedback etc. Gostei muito de lá e pretendo comprar mais vezes.

O certo seria ter comprado tudo antes para já estar aqui quando nos mudássemos, mas duas coisas foram obstáculos para isso:

1) A construtora precisou fazer reparos no apartamento uma semana antes da mudança e eu precisei deixar a chave com o síndico.
2) Sem carro, não tínhamos como vir para o apartamento para ficar esperando as entregas.

Mas, tirando os problemas da primeira semana, correu tudo muito bem, se formos pensar. Nosso único estresse no momento é com a geladeira.

Balanço geral

Todo o processo da mudança foi muito tranquilo. Desde o processo de encaixotar até chegar no apartamento, guardar tudo, aguardar as entregas e tudo o mais, em nenhum momento nos estressamos ou cansamos além do previsto. Em 24 horas, já tínhamos arrumado quase tudo – sobraram somente as caixas dos livros (a estante chegaria só duas semanas depois) e duas caixas com roupas que eu queria lavar antes de guardar (e ficamos esperando pela máquina). Quando nosso filho chegou, no dia seguinte, já estava tudo bonitinho e limpinho. Quando eu acordei, levei todas as caixas para o lixo do prédio (muitas e muitas viagens de elevador para levar tudo), passei o mop em todo o apartamento e deixei o quartinho dele prontíssimo. Foi um barato quando ele chegou, pois ficou surpreso com tudo e correndo para lá e para cá o tempo todo. Não tivemos dificuldades com a adaptação – ela acordou assustado na segunda noite, mas foi só essa vez.

Se você quiser ler como foi o andamento de toda a mudança, veja os links abaixo:

Andamento da mudança – parte I
Andamento da mudança – parte II
Andamento da mudança – parte III
Andamento da mudança – parte IV
Andamento da mudança – parte V

Obrigada por ter me acompanhado nessa jornada. =)

Thais Godinho
30/12/2011
Veja mais sobre:
Mudanças
6
Meu sistema GTD atual – Julho 2016
Administrando o guarda-roupa
O que eu aprendi com Larissa, Lia e Lolla
Thais Godinho
29/12/2011
Veja mais sobre:
5
Vídeo todos os dias em agosto (VEDA)
Matéria no Vira Notícia