ou

Ter uma rotina não é uma coisa chata. Quando falo sobre rotinas, muitas pessoas me dizem que “não são de ter rotina” ou acham que “rotina é um tédio”. Mas já foi provado que ter uma rotina é a melhor forma de tornar a vida de um ser humano de qualquer idade mais tranquila, porque gostamos de um mínimo de previsibilidade.

É sabido que o corpo necessita de rotina para seu funcionamento adequado. Da mesma forma, a mente precisa de tempo e calma para organizar o pensamento lógico, que reúne elementos, avalia cenários e toma decisões. O processo acadêmico, portanto, se desenvolve a partir de rotina para os estudos, de forma que basta a sua carência para comprometer significativamente o processo de aprendizagem do jovem, além de afetar sua integridade emocional. Ora, a espontaneidade nunca deixará de ser um valioso ativo – mas nada se constrói sem disciplina e organização. (trecho do texto Conversa sobre a importância da rotina)

Benefícios de ter uma rotina

  • Nosso corpo (metabolismo) se acostuma
  • Nossa mente também, pois sabemos o que vem a seguir
  • As crianças vivem de forma mais tranquila
  • Os adultos também
  • O tempo é melhor aproveitado
  • A casa nunca fica um caos
  • Não somos pegos de surpresa por ações que poderiam ter sido antecipadas
  • Seu desemprenho profissional melhora
  • Sua produtividade pessoal também
  • Fica mais fácil de lidar com imprevistos
  • Sobra tempo para fazer o que realmente importa
  • O dia-a-dia fica mais tranquilo
  • O dia-a-dia fica mais tranquilo
  • E, caso não tenha ficado claro: o dia-a-dia fica mais tranquilo

Como criar uma rotina

Faça listas – Abrace o maravilhoso e prático mundo das listas listando o que você precisa fazer, simplesmente. Eu sugiro a você que faça uma lista do que precisa fazer todos os dias de manhã, antes de sair de casa, e uma com todas as tarefas para fazer antes de dormir. Só essas duas listas já ajudam muito porque te colocam no piloto automático nos momentos do dia em que você costuma estar mais cansada(o).

Não acredite em soluções da noite para o dia – O que constrói uma rotina é o hábito – o ato de fazer a mesma coisa todos os dias. Então não pense que uma rotina de três dias deu certo ou errado, pois ninguém incorpora um hábito de um dia para o outro.

Foque nos períodos mais críticos do seu dia – Quando você costuma ficar mais cansada(o) e sem pique para fazer nada? Em que situações você se sente frustrada(o) por não estar conseguindo se dedicar 100%? Pense em como você pode se equilibrar quando estiver passando por isso. Antecipe determinados momentos e pense em soluções para não perder a cabeça quando acontecer.

Se você está acostumada(o) a “apagar incêndios diários”, ter uma rotina pode te ajudar a ter mais tranquilidade. Sabemos como o dia-a-dia é cansativo. Mesmo que você seja dessas pessoas que dizem não gostar de ter uma rotina, se sua vida é uma bagunça, por que não tentar?

Thais Godinho
20/08/2011
Veja mais sobre:
14
Reflexões sobre um apartamento alugado
Faça um mapa mental do que é importante na sua vida